Ácidos

Podemos considerar os ácidos com uma das substâncias que mais utilizamos em nosso dia-a-dia, um ácido pode ser descrito como uma substância que tem sabor azedo, liberam H+, entre outras características. Os ácidos têm bastante utilidade em nossas vidas, seja na área da limpeza ou da saúde, nos laboratórios e demais locais, os ácidos são funções importantes para a química. A palavra ácido vem do latim acidus e significa “azedo” ou “picante”. A acidez deve-se à presença de íons hidrogênio livres que são liberados por ácidos como o acético do vinagre, o fosfórico adicionado a alguns refrigerantes do tipo coca-cola para acentuar o seu sabor e o carbônico da água com gás. Os ácidos fazem com que determinados corantes mudem de cor, por exemplo, o tornassol fica vermelho no contato com ácidos. No decorrer da história da química, os químicos procuravam propriedades características dos ácidos. Por volta de 1830, estava evidente que todos os ácidos continham hidrogênio, mas nem todas as substâncias que continham hidrogênio eram ácidos. O químico sueco Svante Arrhenius (ver “Nobel da Química”) relacionou o comportamento ácido com a presença de íons H+ em água.

O ácido clorídrico (HCl) é não só um importante produto químico industrial, mas também o principal constituinte do suco gástrico do estômago. O ácido acético (C2H4O2) é um líquido incolor com odor acentuado, é o componente ácido do vinagre (do francês vinaigre, “vinho azedo”) e é responsável pelo seu cheiro característico. O ácido fórmico, CH2O2, é um dos componentes do veneno injetado pela formiga. O ácido láctico (C3­H6O3) é sólido à temperatura ambiente. Uma fonte muito comum de ácido láctico é a fermentação anaeróbica de açúcares e a ação de enzimas nos suprimentos de glicose. No capítulo “Curiosidades da Química” mencionaremos mais sobre o ácido láctico. Entretanto, o leite fresco rapidamente se torna repleto de bactérias que agem no açúcar do leite, lactose, degradando-o para obter energia e excretando ácido láctico. O ácido faz com que as gotículas de gordura se aglutinam, talhando o leite. O ácido adípico é um sólido branco, cristalino, usado como aditivo em alimentos e pode ser usado para acidular refrigerantes, contribui para o sabor de beterrabas. O ácido oxálico, C2H2O4, ocorre com apreciáveis concentrações em várias verduras, incluindo o espinafre e o ruibarbo. As maçãs são ricas em ácido málico, que é estreitamente ligado ao ácido oxálico, mas tem um grupo –CH(OH) separando os dois grupos carboxílicos; quando você sentir o sabor ácido de uma maçã, lembre-se dessa molécula. O ácido cítrico está presente nas frutas cítricas como nos limões e nas laranjas.

Existem inúmeros ácidos usados para diversos fins.

É a química sendo expandida…

Bruno Leite (lattes)

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: